Tel: (21) 3527-1233/1235/1776

Pesquisa

Informações- Ciência e Engenharia de Materiais- Engenharia de Processos e Meio Ambiente-



Nos últimos anos, professores do Programa de Pós-Graduação do DEQM têm sido contemplados com vários projetos importantes, tais como Cientista do Nosso Estado, Produtividade e Universal do CNPq, Fundos Setoriais (CTHIDRO e CTPETRO), PADCT-Rio (FAPERJ) e Fundo Verde Amarelo. Alguns desses projetos permitiram a melhoria da infraestrutura de pesquisa de diversos laboratórios, muitos dos quais incorporam técnicas modernas de caracterização através de análise e processamento digital de imagens.

Em função da fácil e natural adaptação, por parte dos professores, assim como da grande demanda, por parte dos alunos, observa-se uma nítida tendência de desenvolvimento de projetos dedicados aos temas relacionados com o meio ambiente. Neste sentido nota-se uma grande motivação por trabalhos envolvendo tratamento de efluentes, co-processamento, reciclagem e recuperação de rejeitos, modelagem matemática e física, e remediação ambiental, fundamentados nas operações unitárias das áreas tradicionais de tratamento de minérios, hidro/eletro e pirometalurgia.

Observa-se, também, um crescente aumento da multidisciplinaridade, identificada através dos projetos de síntese e caracterização, que contam com a participação de professores das duas grandes áreas de pesquisa (Engenharia de Processos e Meio Ambiente e Ciência e Engenharia de Materiais).

Na área de Ciência e Engenharia de Materiais verifica-se uma tendência para caracterizações microestruturais cada vez mais sofisticadas, através da implementação de novas técnicase equipamentos, tais como a microscopia eletrônica de transmissão e difração de Raios-X, ou a partir do uso de "softwares" dedicados ao processamento e análise de imagens. Percebe-se, também, que esta tendência coincide com o número significativo de projetos envolvendo nanomateriais, tema este de indiscutível relevância atual, tanto no que se refere aos aspectos científicos como no que tange às aplicações tecnológicas. Tal fato reforça a tendência observada sobre o aumento do número de projetos multidisciplinares contando com a participação de professores que trabalham com a síntese e caracterização de materiais.