Normas para defesa

Além do cumprimento de créditos, o aluno de pós-graduação deve se atentar às exigências da obtenção do título, como o modelo de apresentação do manuscrito, definição de data da defesa, documentação e plágio.

Modelo de documento

A apresentação do documento a ser entregue segue o padrão dos textos produzidos na PUC-Rio, de acordo com a Associação Brasileira de Normas Técnicas. Os modelos existentes são na plataforma Microsoft Word e em LateX, os quais podem ser encontrados também na página da PUC.

Pré-requisto de definição de data

É necessário que as defesas estejam condicionadas à comprovação de submissão de pelo menos um manuscrito a uma revista da Qualis (Capes). Para as Dissertações de Mestrado as revistas aceitas são do nível A4 ao A1, enquanto para as Teses de Doutorado serão aceitas as revistas do nível A2 ao A1.

Definição de data

Para um aluno da pós-graduação defender, tanto a dissertação de Mestrado quanto a tese de Doutorado, é preciso que seja enviado por e-mail o formulário de Pedido de Composição de Banca preenchido e o resumo para a secretaria de pós-graduação, em cópia ao professor orientador. A defesa deve ser agendada em um período de 10 a 60 dias após o término do período pelo calendário oficial. É preciso ficar atento às datas.

Plágio

Em sintonia com as iniciativas da Universidade no sentido de coibir as reconhecidas condições de plágio em Dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado, a Comissão de Pós-Graduação do DEQM aprovou e recomenda as seguintes deliberações:

  1. Uma cópia da versão final da Dissertação/Tese, já distribuída aos membros da Banca Examinadora, também deve ser entregue em PDF (apenas com o corpo do texto de introdução até trabalhos futuros sem o pré-textual, pós-textual e referências bibliográficas ) na secretaria de Pós-Graduação do DEQM, com um mínimo de 5 dias de antecedência em relação a data agendada para a defesa;
  2. A secretária de pós-graduação ficará responsável por rodar o arquivo no programa Plagius e entregar o resultado para o Presidente da Banca (orientador) antes da defesa;
    1. Para situações identificadas como de plágio superior a 30%, é recomendada a reprovação da Dissertação/Tese;
    2. Para situações identificadas como de plágio entre 10% e 30%, a aprovação pode ser considerada, recomendando-se que, neste caso, a mesma esteja “condicionada ao comprimento das exigências feitas pelos examinadores”.
  3. A versão final a ser entregue pelo aluno deve ser, novamente, verificada e para ser aceita e encaminhada para o Decanato do CTC deve conter menos do que 10% de plágio;
  4. De forma a contribuir com estas verificações o DEQM irá disponibilizar, em breve, uma chave de acesso ao Programa Plagius para todos os professores que atuam na Pós-Graduação (orientadores);
  5. Questões não cobertas nestas deliberações, serão tratadas pela CPG / DEQM.

Pós defesa

Não é necessária a entrega da versão impressa das dissertações e teses defendidas na PUC-Rio, somente a versão digital. Entretanto, deve-se enviar o termo de aprovação sem a assinatura da Comissão Julgadora e sem mencionar os coordenadores setoriais.

Mais informações: documentos e links